Seja bem-vindo ao Portal LuzMG! É com muita alegria que agradecemos você pelo acesso ao nosso site!
15 de Setembro de 2019
Pimenta no Café
Quem não lê, não escreve
Nossos policiais militares e civis mostraram que em nossa cidade bandidagem não tem vez
Lixos
Por mais que cruel seja a sociedade, por mais que ela não mereça, felizmente, apesar da constante e total inversão de valores, ainda existe uma maioria esmagadora de policiais que cumprem com excelência sua função. Certamente foi o que aconteceu nos últimos dias em nossa cidade, quando nossos policiais militares e civis mostraram que em nossa cidade bandidagem não tem vez. Em menos de dez dias foram vários tipos de “lixos” retirados das ruas da cidade.
 
Lixos I
Parabéns a PM e Civil, há quanto tempo esses vagabundos vêm amedrontando a população, principalmente esse verme apelidado de Pivete? Espero que a justiça deixe pelo menos a metade dos 16 que foram presos vendo o sol nascer quadrado por um bocado de ano. Continue assim, um dia quem sabe os críticos passem a reconhecer o imprescindível trabalho prestado pelas duas corporações. Parabéns mais vez por ter tirado tanto lixo da convivência com a sociedade.
 
Resultado pífio
O resultado do Enem divulgado no início deste ano mostrou que o problema não estava na elaboração e aplicação das provas com fraudes e vazamentos, em anos anteriores. O exame mostrou que mais de 500 mil estudantes tiraram nota zero na redação e apenas 250 num universo de 6.193.565 alunos alcançaram a nota máxima. O resultado trouxe à tona um problema que para muitos professores não é novidade, em se tratando de escola pública. O desempenho dos alunos em todos os níveis de ensino tem caído, na medida em que as próprias exigências também têm diminuído.
 
Analfabeto funcional
No início do Ensino Fundamental, alunos entram num jogo de empurra-empurra e vão passando de ano, levando deficiências entre uma série e outra.
O próprio ministro da Educação confirma que tal resultado espelha um déficit em que se encontra a educação pública no país. A grosso modo, o governo investe para coibir o analfabetismo. A criança sabe ler e escrever, melhora os índices da qualidade de ensino no país, mas quando chega na adolescência e fase adulta acaba se tornando um analfabeto funcional, ou seja, aquele que lê, mas não interpreta.
 
Quem não lê, não escreve
E é exatamente essa falta de interpretação que se torna um problema preocupante e que tende a trazer sequelas a longo prazo para a sociedade, já que vai repercutir na futura classe de profissionais nos mais variados setores.
A falta de argumentação, coerência e a dificuldade em colocar as ideias no papel refletem uma sociedade em que a leitura está perdendo espaço, e o ditado é tão antigo quanto atual: quem não lê, não escreve.
 
Leitura saudável
Estar conectado a outras mídias pode trazer informações, mas na prática, escrever e defender ideias requer um mínimo de conhecimento textual adquirido através de um hábito que está se perdendo nas famílias.
A falta de leitura precisa ser corrigida, e não apenas dentro da escola. Os pais são os maiores exemplos e precisam ser incentivadores da leitura como hábito saudável para evitar ter que remendar problemas quando não há mais tempo, e o nível de exigência será maior.
 
Mundo acadêmico
 A formação do aluno depende de um processo para que ele esteja preparado para escolher e depois exercer uma profissão, e não há como atropelar esse processo. As notas no Enem comprovaram que o jovem precisa estar preparado para enfrentar o mundo acadêmico e não pode chegar com lacunas no processo de ensino, aprendizagem.
 
Santinhos 
Sabe qual o maior mal dos petistas? Mentem, mentem, mentem...mas mentem tanto, que acabam acreditando em suas mentiras e querem por que querem fazer descer goela baixo suas mentiras.  São arrogantes e subestimam a inteligência do povo brasileiro. Acreditam que estão acima da lei. Acham que podem fazer tudo para perpetuarem no poder. Consideram normal e acham que o fim justifica o meio para atingir seus objetivos. Repetem os mesmos mantras exaustivamente e como já estão lesando por mais de 12 anos e quando são surpreendidos na orgia da corrupção, farreando, festejando e se lambuzando com o dinheiro público, colocam o dedo em riste, punho cerrado e falam em ditadura, golpe das elites e atentado à democracia. Esqueci... eles....são santos...
Por: Luiz Antônio Mendes em 19 de Fevereiro
Email: luizantoniojv@gmail.com
VOCÊ É O VISITANTE N° 605810

CURTA NOSSA PÁGINA E FIQUE POR DENTRO DAS NOVIDADES